domingo, 21 de abril de 2013

A CHEGADA


O sol nos recebeu abertamente, mas o frio nos congelava a alma. Nem preparada eu estava. Na correria, o abrigo de inverno ficou solitário estendido na cama. "Pas de problème", a ansiedade e o caminhar ligeiro puxando o peso das malas desprezavam o frio.  O problema mesmo era saber se alguém viria nos encontrar para nos dar as chaves do nosso novo momento. Com o francês ainda entalado na garganta e o ouvido surdo seria de uma complicação intercontinental tentar chamar quem quer fosse ao telefone. A dúvida e a espera nos conduziram a nos aquecer em um café ali bem próximo. "Voilà", este lugar charmoso e estiloso é hoje “nosso” espaço. E não só pelo calor de ter nos acolhido ali com toda a simpatia dos seus comandantes, mas também pela comida deliciosamente bem preparada, pela música ao nosso gosto, por respirar arte, literalmente, pelos poros de todas as paredes. A comunicação se deu com perfeição, à nossa medida.
Então, nosso anfitrião chegou e a vida real "en France" badalou a partida.


Este é o "Le Troc'café". Um espaço alternativo bastante aconchegante que fica no centro de Strasbourg


Você pode encontrar algumas informações aqui: Cityvox.

E ainda, para quem costuma seguir as páginas sociais: Troc'afé no Facebook